4 dicas de como deixar o cabelo brilhoso

4 dicas de como deixar o cabelo brilhoso

Um cabelo brilhoso é aquele que chama a atenção de longe, que mais parece ter saído de um comercial ou que só existe em capa de revista. Mas saiba que isso não é verdade! É possível sim ter um cabelo com brilho natural para espalhar beleza por aí.

Não sabe o que fazer? Para descobrir como deixar o cabelo brilhoso com dicas rápidas e práticas, confira as ideias que reunimos aqui no post!

1. Lave os cabelos com água fria

A primeira dica de como deixar o cabelo brilhoso é lavar as madeixas com água fria. Isso porque, ao lavar os cabelos com água quente, as cutículas se abrem — o que deixa os fios mais sensíveis. Os fios sensibilizados perdem em hidratação, e o resultado é um cabelo sem vida, opaco e com tendência a quebra.

A água morna ou quente também ajuda a cor desbotar mais rápido, um problema para quem tem os cabelos coloridos. Portanto, sempre que puder, prefira lavar os cabelos com água com temperatura baixa. Mesmo que seja só um jato ao fim do banho para fechar as cutículas dos fios.

  1. Use o protetor térmico para deixar o cabelo brilhoso

O excesso do uso do secador e da chapinha pode prejudicar os cabelos, exatamente devido ao calor, que resseca os fios. A solução para quem usa secador e chapinha é utilizar um protetor térmico antes!

O protetor térmico cria uma espécie de película ao redor dos fios, que mantém a hidratação e ainda permite que as cutículas continuem fechadas. O protetor também pode contar substâncias importantes para a nutrição dos cabelos — um ganho duplo, não é?

3. Passe um finalizador para o seu tipo de cabelo

Óleos finalizadores garantem não só nutrição aos fios, mas também muito mais brilho! Mesmo no caso de fios oleosos na raiz ou cabelos lisos. O finalizador protege os fios das ações do vento, sol e chuva (ou seja, as ações externas que, inevitavelmente, atingem os nossos cabelos).

Para as cacheadas, a dica é investir em um bom creme de pentear. Já quem tem os cabelos lisos ou ondulados pode optar pelo leave-in leve para não deixar os fios densos. Você observará como o brilho e a maciez do seu cabelo aumentará!

4. Não friccione o cabelo com a toalha

É comum exagerar um pouco na hora de enxugar os cabelos com a toalha após o banho. Se você tem esse hábito, é melhor rever seus conceitos! O ato de friccionar a toalha vorazmente na cabeça pode, além de despertar o tão temido frizz, contribuir para a queda e a quebra dos fios, fatores que comprometem a saúde dos cabelos.

Logo, o brilho também será bastante prejudicado. A melhor solução é espremer o excesso de água (com ajuda da toalha, mas sem fazer força) e deixar o cabelo secar naturalmente depois.

Agora que você já sabe como deixar o cabelo brilhoso, é hora de aplicar essas dicas na sua rotina e arrasar com as madeixas lindas e cheias de vida.

Se você gostou das dicas desse post, o que acha de saber quais são os 4 sinais de que seus cabelos precisam de um tratamento completo?

3 situações práticas da rotina para usar shampoo a seco

3 situações práticas da rotina para usar shampoo a seco

É muito provável que você já tenha sido pego de surpresa por um compromisso de última hora. Nesses casos, nem sempre dá tempo de lavar e arrumar os cabelos; e é exatamente nesses momentos que usar shampoo a seco pode ser a salvação!

Afinal, trata-se de um spray que você aplica diretamente sobre suas madeixas. Seus fios ficam soltinhos e cheirosos de maneira instantânea. Se você nunca usou o produto, vale a pena conferir 3 situações práticas que vão convencer você a comprar o seu agora mesmo.

1. Aprenda a usar shampoo a seco para sair com o cabelo lindo

Na correria do dia a dia, nem sempre temos o tempo necessário para lavar o cabelo antes de todos os compromissos, certo? Isso ocorre especialmente com quem tem fios oleosos ou pratica muitas atividades físicas. É impressionante como essa situação às vezes pode ser um transtorno!

Afinal, nada mais chato do que ter um compromisso logo cedo pela manhã e precisar acordar com horas de antecedência para cuidar dos cabelos. Ou recorrer a um rabo de cavalo de última hora para manter com o cabelo apresentável.

Nesses casos, o shampoo a seco é um ótimo recurso, ainda mais se os seus fios não estão muito sujos. Basta usar o spray alguns instantes antes de sair, pentear para espalhar o produto e pronto! Você terá cabelos lindos para encarar os desafios do dia.

2. Poupe um pouco seu cabelo do excesso de lavagens

Quem tem cabelos oleosos costuma trazer a necessidade de lavar os fios diariamente, e em alguns casos até duas vezes ao dia. No entanto, todo mundo sabe que o excesso de lavagens pode causar um efeito rebote e até agravar o problema! Sem contar que o uso exagerado de shampoos pode acabar danificando os cabelos.

Assim, usar shampoo a seco é uma solução para que você consiga espaçar um pouco as lavagens e manter os fios sempre em ordem e com aspecto de bem tratados. Você não mais vai precisar fazer uma higienização completa diariamente.

3. Crie volume e mais textura nos seus fios

Esse é um uso bastante interessante para seu shampoo a seco. Cabelos muito lisos ou pesados podem ficar minguados e sem graça, dando aquela sensação de estarem colados na cabeça e com pouco movimento.

No entanto, basta aplicar um pouco do spray na raiz, que os fios se tornam mais encorpados e com volume extra. Essa recomendação é ótima também para penteados rápidos, sobretudo se você não tem ou não quer usar um fixador. O ondulado do babyliss ganha também um ar praiano quando você recorre a esse truque. E o melhor é que não vai danificar os fios!

Sabe aqueles produtos superpráticos que salvam na hora das emergências? Então, com certeza esse é um deles. Você pode usar shampoo a seco para deixar os fios com aparência de limpos em um compromisso de última hora, criar volume e até mesmo finalizar penteados. Portanto, é sempre bom ter um à mão, em viagens ou naquele final de semana quando vai passar na casa de amigos.

Gostou dessas dicas para deixar os fios sempre em ordem? Então, continue com a gente e descubra 4 sinais que indicam que seus cabelos precisam de um tratamento completo.

3 produtos da IBella para levar em uma viagem

3 produtos da IBella para levar em uma viagem

Se você já passou horas fazendo as malas para a sua viagem e descobriu que deixou para trás metade dos itens de higiene e cosméticos de que tanto precisa, você não é a única pessoa que já passou por isso. É realmente desesperador ter que sair procurando a loja de cosméticos mais próxima para adquirir o que deixou de levar ou uma versão similar do que precisa.

Por isso, decidimos ajudar você a montar uma nécessaire funcional e prática, com alguns dos melhores artigos da IBella Cosméticos. Aproveite para conferir 3 produtos para levar em uma viagem que você não pode deixar de fora da sua mala.

1. Leve um bom kit de shampoo e condicionador da IBella Cosméticos

Cada cabelo apresenta características muito específicas. Por isso, para ficarem bonitos você precisa apostar em bons produtos pensados para suas peculiaridades. É essencial, assim, levar de casa seu bom kit de shampoo e condicionador. Especialmente se a viagem for para a praia e você pretende ficar muitos dias longe de casa.

Na Ibella Cosméticos você encontra as melhores marcas, a preços ótimos e com fórmulas variadas. Basta que você acesse o site, escolha o produto que mais se adapta a seu perfil e finalize a aquisição do pedido. Em poucos dias, você vai receber excelentes produtos para levar em uma viagem. Com isso, seus cabelos vão retornar lindos, da mesma forma como foram para viagem.

2. Escolha produtos para levar em uma viagem que hidratem seus fios

A água do mar, a água das piscinas e o vento forte deixam os cabelos mais frágeis. Diante dessas condições, acabam perdendo nutrientes. É muito importante levar com você pelo menos uma máscara de hidratação ou nutrição, dependendo da proposta do seu passeio.

As versões em potes menores são as ideais, mas você sempre pode comprar uma embalagem maior e econômica e separar uma fração dos produtos para levar em uma viagem. A máscara Desarma Fios Reparação Instantânea da Fio Perfeito, por exemplo, é uma ótima opção.

3. Não se esqueça de ter um bom finalizador

Outro item indispensável para ficar bem em seus passeios é um bom finalizador. O leave-in ou creme para pentear deixam os cabelos bem cuidados e protegidos após a lavagem. Isso ainda evita que os fios se danifiquem com o vento ou o calor do secador e da chapinha, por exemplo.

O After Party da Tigi, por exemplo, é um dos mais interessantes produtos para levar em uma viagem. Ele serve para remover odores e deixar seu cabelo bonito e cheiroso, mesmo depois de dançar durante a noite toda ou se expor à fumaça. Por isso, é sempre bom levar um desses para uma emergência!

A IBella Cosméticos tem os melhores produtos para levar em uma viagem, com ótimos preços e condições de pagamento. É só acessar o site, fazer a sua escolha e finalizar a compra. Depois disso, é só aguardar suas comprinhas chegarem, colocar na mala e aproveitar os passeios, sem nenhum tipo de preocupação!

Já escolheu seus produtos preferidos? Acesse o nosso site e confira todas as opções!

Qual o melhor redutor capilar para cada tipo de cabelo?

Qual o melhor redutor capilar para cada tipo de cabelo?

Você sabia que os procedimentos para reduzir o volume do cabelo são diferentes? Isso mesmo: o chamado procedimento redutor capilar pode ser feito de diferentes maneiras e com diferentes tipos de produtos. As indicações variam conforme seu tipo capilar e de acordo com os objetivos que você tiver. Por exemplo, quais serão os níveis de alisamento ou de relaxamento que você tanto deseja alcançar.

Quer saber qual é o melhor redutor capilar para cada tipo de cabelo, em meio a tantas possibilidades que existem no mercado? Aproveite a leitura, fique por dentro de cada proposta e escolha a mais adequada para você!

O melhor redutor capilar para os cabelos ondulados ou cacheados

O redutor capilar mais indicado para quem tem os cabelos ondulados ou cheios de cachos é o alisamento com tioglicolato de amônio. Seu uso, associado a um produto neutralizante, pode relaxar os cachos, alisar e ondular os fios dos seus cabelos.

Esse produto pode ser aplicado também sobre os fios mais finos e pode ser compatível com cabelos coloridos e descoloridos. É importante realizar um teste em mechas antes de aplicar o redutor capilar nos cabelos por completo!

Os produtos para quem deseja transformar cabelos crespos em lisos

Quem possui os cabelos crespos e deseja um verdadeiro alisamento deve procurar um redutor capilar à base de guanidina e hidróxido de cálcio. Esse procedimento alisará os fios de maneira permanente, você só precisará retocar a raiz de acordo com o crescimento dos seus cabelos.

Esse é um tipo de alisante considerado suave (com o hidróxido de cálcio na formulação) e, mesmo assim, existem chances de quebra e incompatibilidade dos fios, por isso, é fundamental realizar um teste antes de buscar o efeito totalmente liso.

Os produtos e componentes que devem ser evitados

Alguns produtos contêm em sua formulação alguns ativos que fazem mal à saúde, tanto de quem está recebendo o procedimento quanto de quem está aplicando. Esses ativos não estão liberados pela ANVISA e normalmente são alisamentos feitos com bases ácidas.

Evite os alisamentos com ácido glioxílico e carbocisteína, bem como o alisamento com formaldeído e glutaraldeído (visto que trazem alto grau tóxico).

Há algum tempo, o ácido glioxílico e a carbocisteína eram considerados promissores, justamente por não apresentarem cheiro forte, nem provocarem ardência. Mas, na verdade, são um perigo para a saúde!

Sempre procure marcas seguras e de confiança, com selo de aprovação e recomendação de profissionais. Escolha redutores que prezem pela saúde da fibra dos cabelos, preservando o estado natural das madeixas. Os produtos para redução capilar são utilizados em procedimentos químicos que podem sim causar danos aos seus cabelos, por essa razão todo cuidado é pouco!

Existem diversos produtos seguros e saudáveis no mercado e que nem por isso são menos eficazes.

De posse dessas informações, fica mais fácil saber qual seria o redutor capilar ideal para o seu cabelo, não é mesmo? Verá que vale a pena realizar esse procedimento fazendo a melhor escolha para aproveitar os benefícios da técnica!

Gostou das dicas que trouxemos aqui no post? Então que tal agora conhecer os benefícios de tratamentos com queratina?

Saiba tudo sobre selagem capilar

Saiba tudo sobre selagem capilar

Você certamente já ouviu falar de diversos procedimentos para recuperar e nutrir os cabelos. Um deles é a selagem capilar e vale muito a pena conhecer esse procedimento. Afinal, ele pode recuperar a vida e a força dos seus cabelos!

Confira as informações que trouxemos aqui no post e fique por dentro de tudo sobre essa técnica!

O que é selagem capilar?

A selagem capilar é um tratamento criado no Brasil e cujo principal objetivo é a recuperação dos cabelos danificados por tratamentos ou diferentes procedimentos que envolvem química. A selagem capilar normalmente é feita à base de queratina, e a sua função é fechar as cutículas dos fios.

O procedimento é voltado para a recuperação profunda da saúde dos seus cabelos, devolvendo a resistência, a hidratação e o brilho. Além de deixá-los mais disciplinados!

Para que serve esse procedimento?

A principal indicação da selagem capilar é para as pessoas que estão com as madeixas muito danificadas e com as cutículas abertas. Tudo isso devido a eventuais procedimentos químicos recebidos anteriormente. Esses cabelos necessitam de nutrição intensa!

O efeito será de fios realinhados e com menos volume. O resultado será de recuperação dos cabelos de dentro para fora. Outro benefício será a diminuição do temido frizz.

Quais são os cuidados necessários após a selagem capilar?

Não existem muitos cuidados após a selagem capilar. Se o cabelo tratado também for alisado, o ideal é adiar um pouco a realização de outros procedimentos, como tingir o cabelo e fazer mais alisamentos. Descolorir o cabelo, então, nem tão cedo! Isso poderá potencializar os danos capilares.

Também é recomendado evitar shampoos de limpeza profunda ou antirresíduos. Isso porque esses produtos podem reduzir a duração do tratamento e do efeito da selagem capilar.

O mais indicado é usar uma quantidade de condicionador bem generosa, porque isso diminuirá a fragilidade dos seus fios.

Existe alguma contraindicação?

Se o seu cabelo estiver profundamente sensibilizado, ao ponto de não aguentar ser submetido a uma dose de calor, a selagem capilar não é recomendada. Pessoas que têm couro cabeludo extremamente sensível e cabelos muito oleosos devem evitar a selagem capilar juntamente ao alisamento.

A selagem capilar também não é aconselhada para os cabelos virgens. Os resultados da técnica não são tão bons quanto nos cabelos que já receberam alguma química. Quem tem os cabelos muito crespos também pode não se dar muito bem com o procedimento.

Grávidas podem fazer a selagem capilar normal, apenas com queratina, porém somente após o terceiro mês de gestação. Se os produtos tiverem formol em qualquer quantidade ou diferentes químicos alisantes, o procedimento deve ser evitado.

Agora que você já sabe de tudo sobre a selagem capilar, o que acha de recuperar os danos do seu cabelo com essa técnica?

Quer acompanhar outros conteúdos como esse? Curta a página da Ibella no Facebook!

Hidratação capilar e reconstrução: entenda a diferença

Hidratação capilar e reconstrução: entenda a diferença

O avanço nas tecnologias e componentes descobertos para serem aplicados nos cabelos permite o surgimento de diferentes tratamentos. O que acontece é que nem sempre sabemos as diferenças desses procedimentos, deixando assim de nos beneficiarmos por eles.

Por exemplo, você sabe a diferença entre hidratação capilar e reconstrução? Se a sua resposta foi “não”, vem com a gente que explicamos direitinho a diferença entre esses dois tratamentos e quando você deve usar cada um deles!

Veja para que serve a hidratação

A hidratação é um tipo de tratamento cuja função principal é devolver a quantidade de água natural dos seus fios. É devido a essa perda de água que os cabelos ficam ressecados, sem brilho e sem movimento. Isso pode acontecer tanto pelos procedimentos químicos que o cabelo recebe quanto pelo desgaste do dia a dia (como as mudanças climáticas, a exposição excessiva ao sol e a poluição, o cloro da piscina, entre outros).

Engana-se quem pensa que só precisa de hidratação os cabelos secos, as madeixas oleosas e normais também precisam. O tratamento é indicado para todos e deve ser realizado, no mínimo, de quinze em quinze dias.

A hidratação não precisa ser feita somente no salão. É possível hidratar os cabelos em casa com receitas caseiras ou usando máscaras concentradas.

Conheça melhor a reconstrução capilar

Já o processo de reconstrução capilar é um tratamento mais profundo. Costuma ser indicado quando os cabelos sofrem muitos danos. O procedimento intensivo devolve aos fios as proteínas e a massa capilar necessárias, que provavelmente foram perdidas com a aplicação de químicas (como no caso de coloração e progressivas). Nesse caso, a reconstrução é indicada uma vez por semana.

O tratamento também pode ser realizado em cabelos naturais a cada 15 dias ou uma vez ao mês. A reconstrução também pode ser feita com o uso de máscaras concentradas; mas, para que o resultado seja eficaz, ela precisa ser à base de queratina. A queratina líquida costuma ser a mais potente, sobretudo no caso de reconstrução de cachos.

Hidrate os cabelos após a reconstrução

Outro detalhe que você não deve deixar passar batido é que, por se tratarem de procedimentos diferentes, um não anula o outro. Portanto, é indicado que, após o tratamento de reconstrução, você faça uma hidratação nos seus cabelos.

Quando se utiliza queratina, sobretudo quem tem os cabelos crespos ou cacheados, podem-se sentir os fios mais enrijecidos ou, no caso dos cachos, sem forma. Ainda que esse efeito seja temporário, vale a pena fazer uma boa hidratação nos fios a fim de deixar os cabelos mais protegidos e maleáveis.

Saiba o que é o cronograma capilar

Já que estamos falando de hidratação capilar e reconstrução, vale a pena inteirar-se a respeito do cronograma capilar. Trata-se apenas de uma espécie de “agenda de cuidados” com os cabelos, que engloba três tipos de tratamentos: a hidratação e a reconstrução, além da nutrição.

Agora que você conhece melhor os procedimentos de hidratação capilar e reconstrução e sabe quando usar cada um deles, é hora de montar a sua “agenda de cuidados” para manter os cabelos bonitos e saudáveis!

Gostou do post? Curta a nossa página no Facebook para ficar por dentro de outras publicações como esta!

Conheça os benefícios do óleo de Argan para os cabelos

Conheça os benefícios do óleo de Argan para os cabelos

Você já deve ter ouvido falar no quanto o óleo de Argan é poderoso, não é mesmo? Se ainda não conhece esse produtinho milagroso, essa é hora. A substância entrega grandes benefícios para os cabelos e os resultados são realmente impressionantes.

Isso acontece porque o óleo é cheio de nutrientes que são muito positivos para a saúde das suas madeixas. Quer saber quais são esses benefícios do óleo de Argan para os cabelos? O texto que segue vai lhe mostrar, confira!

Entrega uma hidratação profunda para os cabelos

Se você quer uma maneira fácil e natural de hidratar profundamente os seus cabelos, saiba que esse é justamente um dos benefícios do óleo de Argan. Em cabelos naturais (livres de química), tingidos, com progressiva ou outro tipo de tratamento, o óleo de Argan será ótimo para hidratar e reduzir o ressecamento dos seus fios. O resultado disso é um cabelo muito mais macio e brilhoso!

É uma ótima maneira de combater a queda de cabelo

Você sofre com a queda de cabelo e não sabe mais o que fazer? Que tal experimentar o óleo de Argan? Basta aplicar o produto por três vezes na semana nas suas madeixas e aguardar o resultado (que não será demorado para aparecer). Os nutrientes contidos no óleo de Argan agirão evitando a queda e ainda promoverão o crescimento de fios novinhos e saudáveis.

Deixa o seu couro cabeludo mais saudável

Muita gente se preocupa com as pontas e o comprimento dos cabelos e esquece completamente do couro cabeludo. Um erro, afinal, é preciso cuidar do couro cabeludo para que os fios nasçam saudáveis e bonitos. Outro dos benefícios do óleo de Argan para os cabelos é exatamente esse: a substância garante um couro cabeludo vigoroso.

Quem sofre com problemas inconvenientes como a caspa, coceira ou ainda irritações no couro cabeludo, a dica é usar uma gotinha de óleo de Argan antes de ir dormir e lavar a região no dia seguinte.

O óleo de Argan melhora a elasticidade dos fios

Os fios mais fracos e quebradiços deixam a nossa aparência péssima. Isso pode acontecer com mais frequência em quem aplica muita química nos cabelos, daí a importância de cuidar deles com mais atenção. O óleo de Argan garante também mais esse ponto positivo! Se você utilizar o óleo regularmente (mas sem exageros, viu?), ele agirá diretamente na estrutura mais interna dos fios, o que fortalece e favorece a elasticidade, afastando problemas como a quebra.

Pode ser usado como finalizador para cabelos secos

Quem sofre com os cabelos ressecados ou naturalmente mais secos pode usar o óleo de Argan como finalizador. Basta utilizar uma pequena quantidade de óleo na palma da sua mão e esfregar (com suavidade) nos cabelos secos. Ele também serve como reparador de pontas!

Com todos esses benefícios do óleo de Argan para os cabelos, não dá para deixar esse poderoso aliado de fora da sua rotina de cuidados com as madeixas, não é mesmo? Então, invista no óleo de Argan e assegure fios mais fortes e mais bonitos.

O que achou das dicas desse post? Continue a leitura e aprenda a aplicar desmaia fios.

4 sinais de que seus cabelos precisam de um tratamento completo

4 sinais de que seus cabelos precisam de um tratamento completo

Você sabia que as suas madeixas perdem nutrientes todos os dias? Mesmo que você não aplique nenhum tipo de química nos cabelos? Pois é! O cabelo dá alguns sinais de que precisa de mais cuidados, portanto, vale a pena observar de forma atenta alguns sinais que as madeixas dão.

Mas então, que sinais são esses? Como saber que os cabelos precisam de um tratamento completo? Continue a leitura deste texto, que a gente explica rapidinho!

1. Se os cabelos estão opacos e sem brilho

Um dos primeiros sinais de que os seus cabelos precisam de um tratamento completo é a falta de brilho. Um cabelo saudável e bem tratado costuma ser viçoso, tem aquele brilho natural (e não devido ao excesso de oleosidade) que chama a atenção.

Se o seu cabelo não está assim — mas, pelo contrário, está opaco e com a cor feia — é hora de cuidar dos seus fios. Vale investir em hidratação, nutrição e, possivelmente, na reconstrução capilar.

2. Quando os cabelos embaraçam com facilidade

Outro sinal de que talvez seja a hora de dar um tratamento completo nas madeixas é quando elas estão embaraçando com facilidade. Bastou um ventinho e pronto! Os fios estão embaraçados e cheios de nós? Tratamento neles!

Isso acontece porque o cabelo fica menos macio, com aspecto de ressecamento e com as pontas, digamos, “eletrizadas”. Logo, é mais fácil se emaranhar todo! Comece por uma hidratação e verá uma boa melhora nesse problema.

3. Caso os cabelos se mostrem porosos

Fios muito porosos indicam a perda de água e nutrientes, provavelmente, nesse estado, as cutículas do cabelo estão muito abertas. E quando as cutículas estão assim, além de perder água e nutrientes, os cabelos exibem maior dificuldade em absorver os tratamentos recebidos.

Ou seja, nada de medidas paliativas, é hora de investir em um tratamento completo. A reconstrução capilar sela as cutículas e restaura a saúde dos fios acabando com a porosidade e o ressecamento.

4. Quando o frizz aparece e o cabelo fica desalinhado

O frizz é um dos problemas mais temidos nos cabelos e, caso você não saiba, ele pode indicar a necessidade de um tratamento mais profundo. Quando os cabelos ficam desalinhados e com aqueles “arrepiados” chatos, que mais parecem que você tomou um choque, é sinal de que os fios requerem uma adequada nutrição.

Nutrir o cabelo é dar a ele a chamada reposição lipídica; com isso, você equilibrará a oleosidade natural e as vitaminas necessárias para o seu cabelo crescer forte e bonito.

Se você der atenção a esses 4 sinais, ficará mais fácil procurar uma solução que melhore bastante a situação de seus fios. Você voltará a arrasar com um cabelo saudável e maravilhoso!

Outra sugestão importante e que ajudará você a saber qual tipo de tratamento completo o seu cabelo deve receber é ir ao salão de beleza e deixar que um profissional avalie as suas madeixas. Assim, você conhecerá melhor o seu cabelo e saberá a verdadeira estrutura dos seus fios.

Já que estamos falando sobre tratamentos e proteção para os fios, o que acha de continuar a leitura e saber como usar protetor térmico para cabelos?

Como cuidar dos cabelos após entrar na piscina?

Como cuidar dos cabelos após entrar na piscina?

O verão está chegando e com ele a temporada deliciosa de praia e piscina! Sim, é um ótimo momento para relaxar e curtir um bronzeado. Mas se você não tomar alguns bons cuidados, seus cabelos podem sofrer péssimas consequências!

Quer saber como cuidar dos cabelos direitinho após entrar na piscina e não deixar que o cloro e outros aditivos estraguem o seu cabelo? Então, dê uma lida aqui no post que contaremos todos os segredos!

Priorize uma limpeza profunda nos fios após entrar na piscina

A primeira medida para cuidar dos cabelos após entrar na piscina é uma limpeza profunda nos seus fios. Se você abusou da água da piscina (ou mesmo da água do mar), lave as madeixas com um shampoo antirresíduos. Só esse tipo de produto será capaz de remover com excelência as impurezas e demais substâncias que podem ser prejudiciais para os cabelos (como o cloro e a grande quantidade de sal).

O shampoo antirresíduos não deve ser usado em excesso, viu? Ele pode ressecar os cabelos! Então use-o apenas uma vez na semana. Se o seu cabelo já for seco ou você observar o ressecamento, use-o apenas a cada 15 dias.

Aposte nas máscaras de hidratação recomendadas para seu perfil

Outro passo que deve ser feito imediatamente após a piscina é o uso das máscaras de hidratação. Com elas você poderá evitar problemas desagradáveis nas madeixas, como as pontas duplas e o ressecamento.

Existem diversas máscaras de hidratação no mercado e, algumas delas, têm efeito em apenas 10 minutos. Procure a mais indicada para o seu tipo de cabelo e lembre-se: aplique-a sempre longe da raiz, a fim de evitar o excesso de oleosidade.

Use óleos vegetais para cuidar dos cabelos

Outra dica interessante após entrar na piscina é o uso dos óleos vegetais. A chamada umectação capilar é uma medida muito aconselhada, sobretudo para os cabelos secos ou com tendência forte ao ressecamento, como os crespos ou cacheados.

Passados alguns dias após o período de piscina e sol, aplique óleos vegetais antes da lavagem do seu cabelo (o óleo de coco costuma ser o mais recomendado). Verifique as indicações de uso do produto escolhido e prossiga com a lavagem do seu cabelo normalmente.

Tome algumas duchas sempre que sair da piscina

Se você pretende passar o dia todo à beira da piscina, uma dica interessante é tomar duchas sempre que sair da água. Isso ajudará a remover o excesso de cloro que fica nos cabelos. Assim, os cabelos não serão tão agredidos por muito tempo.

Lembre-se de que os cuidados devem começar antes de ir à piscina ou praia

Cuidar dos cabelos é um processo rotineiro e deve começar antes mesmo de você entrar na piscina ou na água do mar. Portanto, proteja os fios com o protetor solar capilar e mantenha sempre as suas madeixas bem nutridas e hidratadas. Isso evita que os efeitos posteriores à piscina, água do mal e sol em excesso sejam muito agressivos.

Outra maneira de prevenir qualquer problema é usar os chapéus e bonés para proteger o couro cabeludo.

Todas essas dicas de cuidados são fundamentais para que as suas madeixas continuem maravilhosas durante todo o verão e para que você possa aproveitar a piscina e a praia sem prejudicá-las! Então, o que está esperando para colocar as dicas na sua rotina e cuidar dos cabelos da maneira certa?

Curtiu as dicas do artigo? Então assine a nossa newsletter e receba outros posts sobre cuidados com as madeixas diretamente em seu e-mail!

4 dicas de como usar fixadores de cabelo

4 dicas de como usar fixadores de cabelo

Imagine fazer um belíssimo penteado para ir a alguma festa ou evento e ele se desmanchar. Chato, não é? Por isso, é sempre recomendado usar um fixador de cabelo para manter o penteado.

Saber como usar o fixador de cabelo ajudará você a obter resultados muito mais satisfatórios e eficazes. Hoje, as fórmulas dos produtos são bem mais leves, evitando que o cabelo fique com aspecto duro ou sem movimento.

Para ajudar a aproveitar ao máximo dos poderes desse finalizador, preparamos 4 dicas de como utilizá-los da melhor forma. Confira!

1. Pense na quantidade e distância de aplicação do fixador

Por incrível que pareça, dependendo da quantidade e também da distância de aplicação, o resultado e as texturas podem ser diferentes. Quanto menor à distância de aplicação e maior a quantidade, o cabelo ganhará mais brilho e mais memória. Por outro lado, quanto mais longe e menor a quantidade, o efeito causado será mais natural e ameno.

Ficar atento aos graus de fixação também é importante. Os mais comuns são o leve, médio, forte e extraforte. Para escolher é só avaliar o tempo e o aspecto que você deseja na textura dos fios de cabelo.

2. Faça movimentos circulares com o bico do spray

Na hora de aplicar o fixador de cabelo não aponte para um único ponto. O ideal para fixar os penteados é fazer movimentos circulares com o produto. Dessa forma, seu penteado fica no lugar o dia inteiro, sem deixar os cabelos duros e com aspecto esbranquiçado.

Lembrando que para a melhor fixação do penteado os cabelos devem estar secos e, de preferência, escovados. O que possibilita a distribuição uniforme do produto.

3. Não borrife perto demais do cabelo

O fixador de cabelos tem propriedades específicas para fixar os fios. Esses componentes podem ressecar os fios. Por isso, na hora da aplicação, para evitar deixar o cabelo e os fios  ressecados, borrife o spray a 15 centímetros de distância dos cabelos. Isso evitará o ressecamento e protegerá o couro cabeludo.

Depois de arrasar na festa, aproveite para investir em uma boa hidratação. Assim, você garante cabelos saudáveis e lindos para os próximos penteados.

4. Use o fixador de cabelo para dar efeitos diferentes

Quer dar um pouco mais de volume às madeixas? A dica é levantar a raiz com a ajuda de uma escova e aplicar o fixador apenas na região. Funciona super para criar topetes e deixar o visual ainda mais marcante.

Para tranças e coques o ideal é aplicar o fixador de cabelo em todo o comprimento, antes de iniciar o penteado. Assim, sua trança ficará mais firme e durará por muito mais tempo.

Ficou horas fazendo cachos com babyliss e eles desmancharam? Para evitar esse caso, é indicado aplicar o spray mecha por mecha, logo após o uso do aparelho. Garantimos que seus cachos não vão se desfazer.

Ao se aprender como usar o fixador de cabelo, você se torna capaz de estruturar melhor os penteados. Dá para usá-lo no dia a dia, para corrigir um cabelo frizzado e naqueles dias que queremos que o visual dure a noite toda. Dando aquele toque diferenciado no cabelo e conferindo maior elegância e sofisticação à sua aparência.

Gostou das dicas? Assine a newsletter da Ibella e fique por dentro de muitos outros conteúdos para manter as madeixas lindas.

Cadastre-se na Newsletter
X

Receba nossos conteúdos por e-mail.
Clique aqui para se cadastrar.